Conheça as bolsas de estudo totalmente financiadas na Espanha 2024

Publicado por
Em
Bolsas de estudo na Espanha
Anúncios

Você sabia que é possível encontrar bolsas de estudo na Espanha totalmente financiadas? Pois é, na Espanha, país conhecido por sua rica cultura, história e excelência acadêmica, diversas instituições concedem bolsas de estudo totalmente gratuitas para estudantes nacionais e internacionais. 

Neste artigo, a Manual da Web vai te mostrar algumas bolsas de estudo na Espanha disponíveis, destacando suas características e requisitos, além de ressaltar o impacto positivo que essas oportunidades podem ter no futuro acadêmico e profissional dos candidatos! 

Como conseguir bolsas de estudo na Espanha?

Anúncios

Do financiamento para um curso básico de espanhol até apoio para um doutorado na Espanha, existem inúmeras opções para atender a diferentes objetivos educacionais. 

As bolsas de estudo, conhecidas como “becas” no jargão espanhol, podem ser integrais ou parciais e são disponibilizadas por universidades, instituições espanholas ou entidades no Brasil.

Para se candidatar a uma bolsa de estudos na Espanha, o primeiro passo é selecionar o curso e a universidade dos sonhos. 

Em seguida, é crucial buscar bolsas que se adequem às suas necessidades, atentando-se aos critérios exigidos. 

Caso não se enquadre nos requisitos de uma determinada bolsa, é aconselhável buscar outras que sejam mais compatíveis, pois as instituições são rigorosas na seleção e é essencial preencher todos os requisitos para competir de forma eficaz.

Diploma, carta de referência, documentação e carta de intenções são alguns dos itens solicitados para todos os candidatos.

Agora, que você já sabe como começar, confira os principais programas de bolsas de estudo na Espanha: 

Fundación Carolina:

A Fundación Carolina, criada em 2000 pelo governo espanhol com o objetivo de fomentar as relações culturais e a cooperação educativa e científica entre a Espanha e a comunidade ibero-americana, destaca-se por oferecer um dos programas de bolsas de estudo mais abrangentes do país. 

Seu escopo engloba diversas modalidades, como pós-graduação, doutorado, pós-doutorado e formação de professores, em várias universidades e cidades espanholas.

Na convocatória de 2022-2023, a Fundación Carolina ofertou 594 bolsas, já para o período de 2024-2025, o número de bolsas aumentou para 669, distribuídas entre diferentes categorias: 

  • 251 para pós-graduação;
  • 100 para doutorado e estadias curtas de pós-doutorado;
  • 34 para o programa de mobilidade de professores;
  • 176 para estudos institucionais;
  • 106 renovações de bolsas de doutorado.

Os requisitos para se candidatar incluem:

  • Residir no Brasil ou em qualquer outro país ibero-americano;
  • Ter um histórico acadêmico sólido;
  • Ser proficiente em inglês ou espanhol (dependendo do curso);
  • Apresentar projetos acadêmicos consistentes ou experiência prática relevante, especialmente para mestrado, doutorado e pós-doutorado.

Quanto aos benefícios, estes variam conforme o programa. Algumas bolsas cobrem todas as despesas dos estudantes, incluindo passagem aérea, alojamento, alimentação e transporte, enquanto outras são parciais, cobrindo apenas parte dos custos. 

É essencial ler atentamente o edital do programa desejado para evitar surpresas.

Santander:

O Santander Bolsas, uma iniciativa destinada a promover a educação e estimular o empreendedorismo, tem grandes oportunidades para distintos perfis de estudantes, incluindo alunos de graduação e pós-graduação, professores, recém-formados e profissionais em geral.

Na plataforma, os interessados têm acesso a uma ampla gama de bolsas, podendo filtrar as opções de acordo com suas preferências, como a categoria da bolsa: apoio financeiro, mobilidade acadêmica, estágios e bolsas de pesquisa.

Entre as bolsas oferecidas pelo Santander, destaca-se a Bolsa Estudiantado Latinoamericano – Estudios Master, voltada para pós-graduação na Universidade Jaume I, situada na cidade de Castellón.

Para se candidatar, é preciso: 

  • Residir no Brasil ou em um dos países latino-americanos contemplados;
  • Não ter sido beneficiado por bolsas anteriores do programa;
  • Possuir diploma de graduação emitido por uma universidade na América Latina;
  • Ter proficiência intermediária em espanhol.

Os interessados devem realizar a inscrição por meio da plataforma Becas Santander, no programa Estudiantado Latinoamericano – Estudios Master UJI.

A bolsa cobre a taxa de matrícula e as mensalidades, além de proporcionar um benefício mensal entre 2.000€ e 4.000€.

Erasmus+:

O Erasmus+, criado em 2004 e financiado pela União Europeia, destaca-se como um dos programas de intercâmbio mais renomados globalmente. 

Dirigido tanto a alunos da União Europeia quanto a estudantes de países parceiros como o Brasil, este programa tem suporte financeiro para possibilitar experiências educacionais no exterior.

As oportunidades de bolsas de estudo na Espanha, por exemplo, são acessíveis a estudantes de diversos níveis, incluindo graduação, mestrado e doutorado.

Os requisitos para candidatura geralmente incluem a apresentação de certificados de proficiência em línguas, conforme exigido pelo curso, além de um histórico acadêmico relevante.

Os interessados podem submeter suas candidaturas através do departamento responsável pelas relações internacionais de suas instituições de ensino superior ou diretamente pelo programa Erasmus+.

Quanto aos benefícios ofertados, estes podem variar conforme:

  • Custo de vida entre a Espanha e o Brasil;
  • Número de candidatos;
  • Distância entre os países envolvidos;
  • Disponibilidade de outras bolsas complementares.

Fundación Botín:

Fundada em 1964 com o propósito de promover o desenvolvimento social da região de Cantábria, na Espanha, a Fundación Botín expandiu sua atuação em 2010 com o lançamento do Programa para Fortalecimento da Função Pública na América Latina. 

Este programa oferece bolsas de estudos voltadas para formação e pesquisa em diversas áreas, tais como:

  • Artes e Cultura;
  • Educação;
  • Ciência;
  • Políticas Públicas.

Para se candidatar, é necessário residir no Brasil e possuir proficiência na língua espanhola. 

Os interessados devem acompanhar as divulgações das bolsas de estudos pelo site oficial da Fundación Botín e realizar a inscrição online conforme as orientações.

Quanto aos benefícios, estes mudam de acordo com o programa anunciado, podendo incluir cobertura de despesas com matrícula, viagem e estadia, entre outros.

Instituto Cervantes:

O Instituto Cervantes, fundado pelo Governo da Espanha em 1991 com o propósito de promover a língua espanhola e disseminar a cultura do país, tem sua sede na província de Madrid, berço do renomado escritor Miguel de Cervantes. 

Contudo, essa instituição pública estende sua presença a 45 países, incluindo o Brasil.

As bolsas do Instituto Cervantes integram tanto estudos do idioma espanhol quanto cursos superiores em universidades espanholas, proporcionando oportunidades valiosas para os interessados em aprimorar seu conhecimento linguístico ou realizar estudos avançados.

Para se candidatar, é necessário:

  • Apresentar histórico escolar;
  • Comprovante de renda;
  • Carta de recomendação de professores ou da instituição de ensino.

Para ficar por dentro das oportunidades oferecidas pelo Instituto Cervantes, recomenda-se acompanhar as notícias divulgadas em seu site oficial e na página do instituto no Facebook, mantendo-se informado sobre os processos de inscrição e demais detalhes relevantes.

Bolsas de estudo na Espanha
Bolsas de estudo na Espanha

Quanto custa estudar na Espanha?

Caso você não consiga uma bolsa de estudos na Espanha totalmente financiada, será necessário pesquisar e estudar seus orçamentos para averiguar suas condições. 

Em geral, a Espanha oferece acessibilidade em termos de custo para matrícula, embora o valor dos estudos possa alternar entre universidades públicas e privadas. 

Os cursos oficiais ministrados pelas universidades públicas têm seus preços regulados e divulgados anualmente.

Para estudantes espanhóis e europeus, o custo da matrícula em cursos de graduação varia aproximadamente entre 870 e 1.325 euros por ano (equivalente a dois semestres, correspondendo a 60 ECTS). 

A maioria das universidades aplicam as mesmas taxas para estudantes brasileiros, mas mesmo assim, é válido verificar diretamente com a instituição, uma vez que os valores são estabelecidos por lei da Comunidade Autônoma.

Já nas universidades privadas, os preços da matrícula são determinados individualmente, seguindo seus próprios critérios.

Quanto ao custo de vida, é importante notar que os preços podem diferir de acordo com a cidade onde se reside, sendo que, geralmente, as cidades maiores tendem a ser mais caras, principalmente no que diz respeito ao aluguel mensal.

Veja uma lista de exemplos de preços aproximados que podem auxiliar na preparação de um orçamento mensal para estudantes na Espanha:

  • Café: 1,20-1,50€;
  • Refrigerante: 2,00€;
  • Cerveja: 2,00€;
  • Um quilo de arroz: 0,80€;
  • Um quilo de feijão preto: 2,00-3,00€;
  • Um quilo de macarrão: 1,00€;
  • Baguete: 0,50-0,80€;
  • Menu do dia em um restaurante universitário: 5,75-8,00€;
  • Passe mensal de transporte com viagens ilimitadas: 35,00-50,00€;
  • Aluguel de quarto individual em apartamento compartilhado: 150-350€ por mês;
  • Conexão de internet de 20 megas: 24€ por mês.

Assim, esses valores proporcionam uma base para a estimativa de despesas mensais para quem pretende estudar na Espanha.

Bolsas de estudo na Espanha
Bolsas de estudo na Espanha

Como ter o visto para estudar na Espanha? 

Para aqueles que desejam estudar na Espanha por um período superior a três meses, é necessário obter um visto de estudante.

A solicitação deste visto deve ser realizada ainda no Brasil, em um dos cinco consulados espanhois localizados em:

  • Brasília;
  • Rio de Janeiro;
  • São Paulo;
  • Porto Alegre;
  • Salvador. 

A taxa para o visto é de R$451,00 e deve ser paga em dinheiro no momento da solicitação no Consulado Espanhol.

Os documentos exigidos para a obtenção do visto de estudante para estadias superiores a três meses são os seguintes:

  • Carta de aceitação ou carta de admissão da universidade na qual o solicitante foi admitido, evidenciando a obtenção da vaga antes da solicitação do visto;
  • Formulário de solicitação de visto devidamente preenchido;
  • Passaporte válido;
  • Uma foto 3×4 recente, colorida e com fundo branco;
  • Comprovante de seguro viagem para a Espanha que cubra todo o período de estadia;
  • Comprovante de residência;
  • Título de eleitor;
  • Documentação que comprove recursos financeiros suficientes para cobrir as despesas durante o período de estudo;
  • Diploma ou histórico acadêmico;
  • Certificado de antecedentes criminais (se a estadia for superior a seis meses);
  • Atestado médico assinado por um médico com firma reconhecida em cartório, declarando não ser portador de doenças que possam afetar a saúde pública (se a estadia for superior a seis meses).

Dessa forma, ao reunir toda a documentação e seguir os procedimentos corretos, os interessados poderão garantir a obtenção do visto de estudante para a Espanha de forma eficiente e simples.

Bolsas de estudo na Espanha
Bolsas de estudo na Espanha

É possível estudar e trabalhar na Espanha? 

A reforma do Regulamento da Lei de Estrangeiros em 2022 representou um marco memorável, facilitando consideravelmente o processo para estudar e trabalhar na Espanha.

Agora, é viável tanto trabalhar como autônomo quanto como assalariado, com a possibilidade de modificar uma autorização de residência e trabalho após a conclusão dos estudos.

Essa nova abordagem também se destaca pela redução das exigências financeiras associadas à obtenção da autorização, tornando-a mais acessível. 

Além disso, abre as portas para estudantes de todas as idades, permitindo que ingressem tanto em universidades como em instituições de ensino não universitárias.

Anteriormente, o arcabouço legal espanhol apresentava desafios para estrangeiros não europeus que buscavam estudar no país. 

Eles eram obrigados, como outros estudantes, a solicitar uma permissão de trabalho separada através das “Oficinas de Extranjerías”. 

Entretanto, muitas vezes esses pedidos eram rejeitados sem consideração, deixando os estudantes sem autorização para trabalho parcial. 

Bolsas de estudo na Espanha
Bolsas de estudo na Espanha

Realize o seu sonho em 2024! 

Imagine-se caminhando pelas ruas estreitas de Barcelona, mergulhando na intensidade cultural de Madrid ou explorando os tesouros históricos de Sevilha, tudo isso enquanto aprimora seus estudos em uma universidade reconhecida internacionalmente.

Além de aprofundar seu conhecimento, você também terá a chance de mergulhar em um novo idioma e cultura, expandir sua rede de contatos e vivenciar experiências que enriquecerão sua vida! 

Então, o que está esperando? Agarre essa oportunidade com todas as suas forças! 

Dê o primeiro passo em direção a uma jornada de descoberta, aprendizado e crescimento pessoal na Espanha em 2024. 

Explore as bolsas de estudo na Espanha, prepare sua candidatura e abrace este desafio! 🇪🇸❤️💛🎓

Anúncios

Leia mais em Estudos

EmÁudio Concursos: app com cursos em áudio para estudar para concursos

EmÁudio Concursos: app com cursos em áudio para estudar para concursos

Você procura uma ferramenta para estudar para concursos que seja intuitiva, simples e flexível? Pois,...

Leia mais →
Aplicativo de simulado para prova ENCCEJA 2024: baixe grátis

Aplicativo de simulado para prova ENCCEJA 2024: baixe grátis

Para alcançar o tão sonhado diploma dos ensinos fundamental e médio, mesmo depois da idade,...

Leia mais →
Técnica comprovada de como ganhar cristais no Duolingo

Técnica comprovada de como ganhar cristais no Duolingo

Os brasileiros consideram o Duolingo um precioso companheiro no aprendizado de diversos idiomas. Por isso,...

Leia mais →
Curso online gratuito para aprender inglês americano fácil e rápido

Curso online gratuito para aprender inglês americano fácil e rápido

Sabemos que, atualmente, aprender inglês americano tornou-se uma necessidade, seja para comunicação global, visto que...

Leia mais →